4 Perguntas que Podem Mudar o seu Negócio

Tempo de leitura: 2 minutos

Nos últimos anos sempre envio um e-mail aos meus clientes com o título “Vale uma Consultoria”. Neste e-mail estão 4 perguntas de autoria de Peter Drucker que respondidas com sinceridade, podem melhorar sua produtividade e os resultados alcançados em seu negócio, ou mesmo em sua vida. 

  1. O que eu estou fazendo no negócio que não precisa ser feito?

Quando nos questionamos com sinceridade as diversas tarefas que fazemos no dia a dia, vamos ver que muitas delas são inúteis. Uma série de controles, planilhas, etc. que não servem para anegóciobsolutamente nada. Muitas talvez tenham sido úteis no passado, mas agora já não tem a menor relevância. Se você fizer uma relação bem minuciosa das suas atividades diárias vai verificar que muitas não fariam a menor diferença se você parasse de executá-las.

  1. O que eu estou fazendo que poderia ser feito por outra pessoa?

Aqui entra a “delegação para cima” ou o “perfeccionismo”. Às vezes por insegurança ou medo deixamos de delegar diversas atividades que poderiam ser feitas por outras pessoas. Nas empresas é comum ver o empresário ocupado com atividades operacionais, e deixando de lado as atividades estratégicas de seu negócios alegando não “ter tempo” para elas. Aqui também podemos incluir uma série de atividades que poderiam ser “automatizadas”.

  1. O que eu estou fazendo que só eu posso fazer?

Aqui entra o mais importante, ou seja, aquelas atividades que só eu posso fazer e para isso é necessário tempo. Esse tempo obtemos deixando de fazer tarefas desnecessárias ou que podem ser delegadas. Desta forma podemos analisar estas atividades com mais profundidade e tomar decisões com a maior segurança possível.

Está gostando do artigo?

Insira agora seu e-mail abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!>

  1. O que eu deveria fazer que não estou fazendo?

Quantas decisões importantes temos adiado em nossa vida? Aquela visita ao médico, aquele curso, o livro que compramos e ainda não lemos. Caso você consiga responder e aplicar as mudanças necessárias nas 3 questões anteriores, terá aberto o caminho para fazer o que você realmente precisa fazer e não está fazendo.

Então? Pega uma caneta e papel e vamos responder com honestidade estas perguntas. Sei que elas já mudaram os negócios e a vida de muita gente.

“Não existe vento favorável a quem não sabe onde deseja ir”. Sêneca

Se você gostou do artigo, compartilhe com seus amigos (as) empreendedores.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *